Nem todas as boas notícias sobre o coronavírus são verdadeiras

As notícias que chegam a todo momento sobre a pandemia do Covid-19 são preocupantes. Mas também há boas notícias em meio ao caos. Entretanto, não é só porque uma notícia parece boa que é para sair por aí compartilhando à vontade. Neste momento caótico e de incertezas é fundamental verificar se a informação é verdadeira ou não.

Os leitores de Bereia pediram para que algumas notícias veiculadas nos últimos dias pelas redes sociais, principalmente Facebook e WhatsApp, fossem checadas. Missão dada é missão cumprida. Nossa equipe apurou e você pode conferir abaixo quais são as informações verdadeiras e quais não são:

  • “A CHINA FECHOU SEU ÚLTIMO HOSPITAL DE CORONAVÍRUS”

Verdadeiro – Dadas as quedas nos números de contágio e de pessoas infectadas, na terça-feira, 10 de março, a China fechou todos os 16 hospitais temporários construídos em Wuhan para tratar os pacientes infectados pelo coronavírus.

  • “UMA AVÓ CHINESA DE 103 ANOS SE RECUPEROU TOTALMENTE DO COVID-19”

Verdadeiro – A senhora Zhang Guangfen, de 103 anos, foi liberada após 6 dias de tratamento em um hospital de Wuhan.

“A APPLE REABRE TODAS AS 42 LOJAS DA CHINA”

Verdadeiro – Após mais de um mês de lojas fechadas, um porta voz da Apple afirmou que as lojas voltaram a funcionar. Desde o dia 13 de março todas as lojas da empresa localizadas na China abriram suas portas normalmente.

  • “UMA REDE DE CIENTISTAS CANADENSES ESTÁ FAZENDO UM EXCELENTE PROGRESSO NA PESQUISA DO COVID-19”

Verdadeiro – A Medicago, empresa canadense de biotecnologia, anunciou na segunda semana de março que conseguiu desenvolver uma vacina efetiva contra o novo coronavírus. Segundo a Medicago, os testes em humanos poderiam começar em julho ou agosto, dependendo do andar da burocracia que envolve a regulamentação de medicamentos no país. Em comunicado oficial, Bruce Clark, CEO da Medicago, afirmou que acredita que a vacina poderá ser disponibilizada ao grande público em 18 meses, conforme reportou o Nexo Jornal.

  • “O PLASMA DE PACIENTES RECÉM-RECUPERADOS DO COVID -19 PODE TRATAR OUTROS INFECTADOS PELO COVID-19”

Verdadeiro – Na China e nos Estados Unidos há relatos de médicos que têm usado infusão de plasma sanguíneo de pacientes que se recuperaram da Covid-19 em casos graves.

  • “TODOS OS 7 PACIENTES QUE ESTAVAM SENDO TRATADOS NO HOSPITAL SAFDARJUNG EM NOVA DELI, NA ÍNDIA, SE RECUPERARAM”

Verdadeiro – Segundo o site The Hindu, o Hospital Safdarjung, que está tratando uma grande parte dos pacientes com COVID-19 na Capital, relatou que sete dos casos positivos atualmente admitidos no hospital se recuperaram, mas ainda não receberam alta.

  • “MÉDICOS NA ÍNDIA TIVERAM SUCESSO NO TRATAMENTO DE CORONAVÍRUS”

Verdadeiro – O Drug Controller General da Índia (DCGI) aprovou o uso ‘restrito’ da combinação de medicamentos-lopinavir e ritonavir, que são medicamentos de segunda linha para o HIV. O DCGI deu a aprovação depois que o Conselho Indiano de Pesquisa Médica (ICMR) solicitou uma aprovação de emergência para o uso dos medicamentos no tratamento do COVID-19.

  • “PESQUISADORES DO CENTRO MÉDICO ERASMUS AFIRMAM TER ENCONTRADO UM ANTICORPO CONTRA O CORONAVÍRUS”

Verdadeiro – Cientistas da Universidade de Utrecht, da Universidade Erasmus de Roterdã e de sua biotecnologia Harbor Anticorpos descreveram recentemente um anticorpo que tem como alvo as glicoproteínas de pico na superfície viral. Ele mostrou atividade de neutralização cruzada em placas de laboratório contra o SARS-CoV-2 e o coronavírus SARS que causou um surto em 2002 e 2003. O autor co-sênior do estudo Frank Grosveld disse recentemente à Revista Erasmus que a equipe está tentando obter remédios empresa a bordo para produzir o candidato em larga escala. A empresa controladora da Harbor Antibodies, a empresa chinesa Harbor BioMed, iniciou recentemente uma colaboração de vários anos com o Mount Sinai Health System para desenvolver anticorpos para várias doenças, incluindo o novo coronavírus.

“A CLEVELAND CLINIC DESENVOLVEU UM TESTE COVID-19 QUE FORNECE RESULTADOS EM HORAS, NÃO EM DIAS”

Verdadeiro – O MetroHealth Medical Center, em Cleveland, Ohio, anunciou em 16 de março que pode testar amostras de COVID-19 em seu laboratório e obter os resultados em apenas duas horas. Esses testes, no entanto, foram muito limitados: O CEO e Presidente da MetroHealth, Akram Boutros, MD, FACHE, disse: “Os suprimentos são muito limitados, e os testes neste momento devem ser reservados para os pacientes hospitalizados que estão gravemente enfermos e aqueles que tiveram contato direto com eles”.

  • “3 PACIENTES COM CORONAVÍRUS DE MARYLAND CONSEGUIRAM SE RECUPERAR E VOLTAR À VIDA COTIDIANA”

Verdadeiro – A Fox 5 DC relatou em 14 de março que os três primeiros pacientes com coronavírus de Maryland haviam se recuperado e estavam voltando para suas casas.O jornal escreveu: “Na sexta-feira, o Dr. Travis Gayles, diretor de saúde do Condado de Montgomery, disse à FOX 5 que as três primeiras pessoas a testar positivo para o Coronavírus no estado de Maryland se recuperaram e são capazes de retomar suas vidas normais”.

  • “O PRIMEIRO CASO COVID-19 POSITIVO DE TULSA COUNTY SE RECUPEROU. ESSE INDIVÍDUO TEVE DOIS TESTES NEGATIVOS, QUE É O INDICADOR DE RECUPERAÇÃO”.

Verdadeiro – A Tulsa World informou em 12 de março que o primeiro caso de coronavírus do país havia se recuperado completamente. O Departamento de Saúde de Tulsa informou as boas notícias no Facebook:

  • “UMA EMPRESA DE BIOTECNOLOGIA DE SAN DIEGO ESTÁ DESENVOLVENDO UMA VACINA COVID-19 EM COLABORAÇÃO COM A DUKE UNIVERSITY E A NATIONAL UNIVERSITY OF SINGAPORE”

Verdadeiro – O Duke-NUS está na linha de frente na luta contra o COVID-19, desenvolvendo os primeiros testes sorológicos para o COVID-19 e foi um dos primeiros grupos a isolar e cultivar o vírus. “A parceria com a Arcturus Therapeutics combina forças complementares à medida que trabalhamos juntos para combater esse surto global ”, disse o professor Thomas M. Coffman, diretor da Duke-NUS Medical School.

  • “BOAS NOTÍCIAS DA CORÉIA DO SUL, ONDE O NÚMERO DE NOVOS CASOS ESTÁ DIMINUINDO”.

Inconclusivo- Segundo mapa postado em matéria do dia 24 de março no site El País, os números de novos casos de pessoas infectadas pelo coronavírus na Coreia do Sul não apresentam uma diminuição, mas uma estabilidade. Isto, sem contar com os casos importados, que estão em ascensão. O primeiro-ministro da Coreia do Sul defendeu que, apesar do número de infeções pela covid-19 ter estabilizado “não é tempo de ser complacente”, considerando que esta vai ser uma “luta a longo prazo”.

  • “CIENTISTAS EM ISRAEL PROVAVELMENTE ANUNCIARÃO O DESENVOLVIMENTO DE UMA VACINA CONTRA O CORONAVÍRUS”

Falso – Embora o presidente Jair Bolsonaro tenha dito em uma live, no dia 19 de março, que Israel teria a vacina no prazo de um mês, a informação não foi confirmada pelas autoridades israelenses até o momento. Segundo a OMS, ainda não há nenhum medicamento antiviral específico para prevenir ou tratar o Covid-19. O que se sabe é que cientistas israelenses trabalham no desenvolvimento de um medicamento, que pode ser testado em poucas semanas, mas o processo de aprovação de uma vacina pode demorar meses. Confira aqui uma checagem específica sobre este tópico, produzida pela equipe do Bereia.

CONCLUSÃO

De fato, a comunidade científica tem avançado para obter resultados positivos no combate à pandemia. Enquanto isso a indicação da OMS é para mantermos os cuidados com a higiene, além do isolamento. É preciso estarmos atento e protegermos os mais vulneráveis.

Lembre-se! verifique a fonte de toda informação antes de compartilhar, mesmo que seja uma notícia aparentemente boa. Alguns meios de comunicação com credibilidade, como O Globo e a BBC Brasil, criaram páginas específicas para divulgar boas notícias sobre a pandemia do Covid-19.

Referências de checagem:

OMS. Coronavirus disease (COVID-19) Situation Dashboard. Disponível em: https://experience.arcgis.com/experience/685d0ace521648f8a5beeeee1b9125cd

Uol Notícias. China desativa hospitais temporários de Wuhan após contenção do coronavírus. Disponível em: https://noticias.uol.com.br/saude/ultimas-noticias/redacao/2020/03/10/china-desativa-hospitais-temporarios-de-wuhan-apos-contencao-do-coronavirus.htm.

Catraca Livre. Chinesa de 103 anos é a pessoa mais velha a se curar do coronavírus. Disponível em: https://catracalivre.com.br/saude-bem-estar/chinesa-de-103-anos-e-a-pessoa-mais-velha-a-se-curar-do-coronavirus/

Forbes. Apple reabre todas as suas lojas na China. Disponível em: https://forbes.com.br/last/2020/03/apple-reabre-todas-as-suas-lojas-na-china/

BBC. Coronavírus: como a Itália tomou lugar da China como principal foco de preocupação sobre a covid-19. Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/internacional-51661091

Biospectrumasia. Singapore scientists culture coronavirus from patient. Disponível em: https://www.biospectrumasia.com/news/26/15355/wuhan-coronavirus-scientists-in-singapore-culture-virus-from-patient.html

Brasil 247. Bolsonaro insinua que Israel já tem a vacina contra o coronavírus. Disponível em: https://www.brasil247.com/brasil/bolsonaro-insinua-que-israel-ja-tem-a-vacina-contra-a-coronavirus

G1. China usa plasma sanguíneo de pessoas que se recuperaram do coronavírus em pacientes internados. Disponível em: https://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2020/02/17/china-usa-plasma-sanguineo-de-pessoas-que-se-recuperaram-do-coronavirus-em-pacientes-internados.ghtml

Folha de São Paulo. Assim como Cuba, Israel não desenvolveu vacina contra o novo Coronavírus. Disponível em: https://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2020/03/assim-como-cuba-israel-nao-desenvolveu-vacina-contra-o-novo-coronavirus.shtml

Insider Over. Médicos indianos curam com sucesso pacientes italianos com coronavírus. Disponível em: https://www.insideover.com/society/indian-doctors-successfully-cure-italian-coronavirus-patients.html

El Pais. Disponível em: https://brasil.elpais.com/brasil/2020/03/12/ciencia/1584026924_318538.html

Imagem de destaque. Disponível em: https://www.southwarknews.co.uk/news/coronavirus-southwark-stats-picture/

Compartilhe!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no email
Email